PÁGINA ABERTA

DR. MATADI DANIEL "O NOSSO SERVIÇO NACIONAL DE SAÚDE ENCONTRA-SE DOENTE!"

O Dr Matadi Daniel considerou que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) encontra-se doente."Objectivamente falando, encontra-se doente; não vale a pena escamoteá-lo. Há que refundá-lo", disse o médico. Para si, o SNS necessitará de uma terapia de choque, que englobe todos os actores, desde os decisores políticos aos profissionais de saúde. E tem o "remédio":"Isso passa pela concertação, para a definição de um Pacto de Estabilidade do Serviço Nacional de Saúde. Entendendo-se o SNS como um conjunto de instituições e serviços, dependentes do MINSA,  estes têm como missão garantir o acesso de todos os cidadãos aos cuidados de saúde (nos limites dos recursos humanos, técnicos e financeiros disponíveis). Será necessário dialogar e de forma permanente. Somos muito poucos para as ingentes tarefas da Nação neste sector".

 

PAÍS

NA BIENAL DE LUANDA P.R. PEDE DEFINIÇÃO DE ESTRATÉGIAS PARA A CULTURA DA PAZ EM ÁFRICA

João Lourenço achou necessário ao certame dar especial ênfase à promoção da cultura, da educação e da investigação científica e ao papel que podem desempenhar as organizações da juventude e de mulheres e os meios de comunicação tradicionais e digitais, na prevenção de conflitos e na promoção de uma cultura de paz.

 

SAUDE E BEM-ESTAR

DOENÇAS CARDIOVASCULARES

As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no mundo: mais pessoas morrem anualmente por essas enfermidades do que por qualquer outra causa. Estima-se que 17,7 milhões de pessoas morreram por doenças cardiovasculares em 2017, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), representando 31% de todas as mortes a nível global. Desses óbitos, estima-se que 7,4 milhões ocorreram devido às doenças cardiovasculares e enfartes e 6,7 milhões devido a acidentes vasculares cerebrais (AVCs)

 

 

............................................................

 

 

PONTO DE ORDEM 

CATÁSTROFE PREVISÍVEL

A catástrofe que se regista  na região sul do país, devido à seca, destapou uma enorme mancha no sistema de prevenção,gestão e  minimização das suas terríveis consequências.Ao longo de mais de quarenta anos sempre se tentou esconder o rasto de tristeza, frustrações e de resignação das populações das terras mais afastadas dos centros de decisão do país. Ano após ano, sempre se reportou que o combate à seca era uma realidade; desenharam-se programas mil do governo, apoiados por instituições de caridade internacionais, mas, desde sempre, a fome e a sede chegava para matar centenas de pessoas e milhares de cabeças de gado.

 

Anteriores:

RECADO SOCIAL

A ÁRVORE APODRECEU, MAS NÃO CAÍU...

Do alto da copa, o "rei" que até então nunca soube por que raio lá foi parar, fez e desfez; chamou a si todos os súbditos do reino, cobras e lagartos, jacarés e hienas raras para que o protegessem.Entretanto,   algumas crias  tentavam roer as raízes; roíam e assopravam; cavavam os terrenos adubados do rei.Fragilizavam-no e, como vassalos revoltados,fingiam que seguiam  à risca o  sistema corrupto, regado com impunidade e sustentado por uma máquina político- partidária oleada com centenas de biliões de dólares roubados dos cofres do Estado, desde sempre à mercê dos seus caprichos e interesses particulares.

  

Anteriores: 

NOTAS DE IMPRENSA

MINISTÉRIO DA SAÚDE ESCLARECE DOENTES SERÃO TRATADOS NO PAÍS

Governo quer inverter situação actual dos doentes encaminhados  pela junta nacional de saúde

Recado Social

A ÁRVORE APODRECEU, MAS NÃO CAÍU...

Do alto da copa, o "rei" que até então nunca soube por que raio lá foi parar, fez e desfez; chamou a si todos os súbditos do reino, cobras e lagartos, jacarés e hienas raras para que o protegessem.Entretanto,   algumas crias  tentavam roer as raízes; roíam e assopravam; cavavam os terrenos adubados do rei.Fragilizavam-no e, como vassalos revoltados,fingiam que seguiam  à risca o  sistema corrupto, regado com impunidade e sustentado por uma máquina político- partidária oleada com centenas de biliões de dólares roubados dos cofres do Estado, desde sempre à mercê dos seus caprichos e interesses particulares. 

Figuras de Lá

Figuras de Lá - Edição nº203

Moda & Beleza

MODA ANGOLANA VÊ-SE AO ESPELHO

Os desafios de operar numa indústria em constante mudança e num ambiente macro-económico imprevisível leva os atores da moda a reavaliarem e re-alinharem as suas estratégias.

Sociedade

DOENÇAS CARDIOVASCULARES

As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no mundo: mais pessoas morrem anualmente por essas enfermidades do que por qualquer outra causa. Estima-se que 17,7 milhões de pessoas morreram por doenças cardiovasculares em 2017, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), representando 31% de todas as mortes a nível global. Desses óbitos, estima-se que 7,4 milhões ocorreram devido às doenças cardiovasculares e enfartes e 6,7 milhões devido a acidentes vasculares cerebrais (AVCs)

Desporto

MESSI: A RIVALIDADE SAUDÁVEL COM RONALDO AS SAUDADES DE GUARDIOLA, INIESTA E NEYMAR

O futebolista argentino deu uma entrevista ao jornal Marca onde falou de vários temas, entre eles a saída de Cristiano Ronaldo do Real Madrid, a vontade de ganhar a Liga dos Campeões este ano e o VAR. Cristiano Ronaldo e Lionel Messi conviveram no futebol espanhol durante nove temporadas, em que dividiram as vitórias na "Bola de Ouro" da France Football

Mundo

JORNALISTA FRANCÊS DENUNCIA O CÍRCULO DE INTERESSADOS NUMA CONSPIRAÇÃO NO VATICANO

“Para mim, é uma honra que os norte-americanos me ataquem”, disse o Papa Francisco quando o jornalista francês Nicolas Senèze, correspondente do diário católico La Croix em Roma, mostrou a ele o livro-reportagem sobre o complô estadunidense contra o seu papado, durante a viagem de avião que os levou a Moçambique. O título da obra é “Como a América actua para substituir o Papa” (o título original é “Comment l’Amérique veut changer de Pape”)

Copyright © Figuras & Negócios - Todos os direitos reservados strong>

Contato
Home
Acervo Digital