DESPORTO

 
8 de junho 2017 - às 06:15

TORNEIO DE TOULON EM SUB-20 ANGOLA REGRESSA A FRANÇA APÓS 20 ANOS DE AUSÊNCIA

O regresso de Angola ao internacionalmente conhecido torneio de Toulon, na França, reservado a jogadores até 20 anos, a disputar-se de 29 de Maio a 10 de Junho, concretiza uma das metas definidas, a curto prazo, pelo actual elenco da Federação Angolana de Futebol

 

Trata-se, desta vez, da  45ª edição do torneio, onde Angola competiu pela primeira vez em 1995 e a última em 1996, sob orientação dos técnicos Oliveira Gonçalves e José Kilamba, em que a selecção foi eliminada na primeira fase.

A prova constitui uma oportunidade para os jogadores da selecção angolana darem-se a conhecer ao mundo, diante de equipas e treinadores estrangeiros, onde, desta vez pode ser reforçada pelo médio Jordin Massamba, de 17 anos, ao serviço da equipa de C de Sub-19 do París Saint Germain de França.

É um jogador com boas referências naquela equipa francesa onde já fez 14 jogos, nove golos  e seis assistências, após uma  carreira na Europa iniciada em 2014, por influência de Mbiyavanga Kapela, antigo craque do Petro de Luanda.

Além do mesmo, a selecção que  trabalhou durante dois meses sob a liderança de Bruno "Camara" e  Augusto Manuel “Leão" conta com os atletas Vladimir “Vá”, do Progresso Sambizanga, Nelson da Luz, Rui, Mona e Catraio (1.º de Agosto), Milson, Chico Banza, Jorge, Aison, Rachid, Benin, Vladimir, Franklin e Kanté (Real Sambila FC), Mandinho, Nandinho, Quinito, Kaleb e William (Interclube), Augusto, Alem e Bebo (Petro de Luanda) e Josué Kidiaba (Kabuscorp do Palanca).   

Angola deste vez estreia-se na prova no dia 1 de Junho às 17h00,  diante do Japão, no Estádio de Honra Marcel Roustan, na cidade Salon-de-Provence, pontuável para a segunda jornada. Na terceira enfrenta a congénere de Cuba, no dia 4 de Junho às 17h30, no Estádio Lattre-de-Tassigny.

O torneio de Toulon começou a ser disputado em 1967. A primeira edição foi conquistada pelo Anderletch da Bélgica. França, com 12 títulos e Brasil, com oito, detêm o maior registo de troféus na prova.

A Inglaterra conquistou a edição de 2016, ao bater na final a anfitriã França, por 2-1. Por África estão também confirmadas as selecções de Cuba, Escócia, França, Inglaterra, Japão, Mali, País de Gales e República Checa. 

Copyright © Figuras & Negócios - Todos os direitos reservados strong>

Contato
Home
Acervo Digital