SOCIEDADE

 
1 de fevereiro 2017 - às 18:05

PROJECTO KILAMBA VILLAGE

 

A Gavilo Empreendimentos promotora do projecto Kilamba Village, aporta para o mercado imobiliário  “uma Trilogia” que consistem um novo conceito na sua relação directa com a sociedade angolana:

 

1. É um projecto inovador

Porquê?

• Elaborado e projectado com linhas arquitectónicas contemporâneas e inovadoras;

• Residências funcionais e confortáveis;

• Preços competitivos “o melhor do mercado”;

• Preparação rigorosa assente em três pilares fundamentais, (residências, comércio e serviços) que resulta numa urbanização diferenciada;

 

2. Localização ideal

Porquê?

• É um espaço de 69 hectares contíguo na centralidade do Kilamba;

• Está localizado a 600 m da avenida Comandante Fidel Castro e ao longo da sua passagem estender-se-á uma estrada de 60 m de largura e compreenderá 8 faixas de rodagem, 4 para cada lado, que passará pelo novo aeroporto e irá desembocar na barra do Kwanza.

 

3. Dois polos comerciais projectados como zona financeira:

• O primeiro localizado na avenida principal que compreenderá:

Uma grande superfície, edifícios de escritórios, lojas de materiais de construção e de mobiliário diversos, 17 bancos comerciais, uma clínica, um posto de abastecimento e múltiplos estacionamentos;

• O segundo estará na rua B21 lateral e compreenderá:

96 lojas de conveniência em módulos 10x10 com dois pisos com 70 m² de área útil, onde o cliente pode montar qualquer tipo de negócio que se ajuste ao espaço.

A urbanização Kilamba Village terá 5 condomínios fechados nomeadamente: Kilamba Prestige, Oasis do Kilamba, Brises do Kilamba, Cantares do Kilamba e Kilamba Premium, sendo 4 deles destinado à classe média com residências de tipologia T4+1 e T3 denominadas Ouro e Prata construídas em 300 m² de área bruta, com áreas úteis de 160 m² e 140 m² respectivamente. E esse último de 50 residências de médio-alto padrão composto por 4 modelos diferentes que são:

• Esmeralda, com 141 m² de área útil e 450 m² de área bruta, na tipologia T3;

• Safira, de 160 m ² de área útil e 670 m² de área bruta, na tipologia T3;

•  Rubi, de 163 m² de área útil e 750 m² de área bruta, na tipologia T3+1;

• Diamante, de 242 m² de área útil e 900 m² de área bruta, na tipologia T4+1.

A urbanização Kilamba Village vem oferecer à sociedade angolana, mais propriamente à cidade de Luanda, um modo de vida que permitirá às pessoas perceberem que a opção de viver num condomínio fechado, fundamentalmente, alterou o seu conceito de segurança e qualidade de vida.

Nos aglomerados já existentes a incerteza relativamente aos factores “Água e Luz” e segurança é precário.

A  Gavilo Empreendimentos pugna por uma oferta permanente de água e luz, e traz para o interior de cada condomínio a segurança suficiente e necessária para o conforto das famílias.

A Gavilo tem consciência que a oferta de serviços básicos é precária e por esta razão todas as 850 unidades terão cada uma um reservatótio (tanque) de 10 mil litro e cada condomínio beneficiaria de um grupo electrogéneo capaz de completar a oferta pública de fornecimento de electricidade.

Relativamente à questão de segurança, o seu modelo de gestão estará em aberto  e será discutido entre a empresa gestora do condomínio e os moradores para em conjunto acharem o melhor caminho para a segurança, funcionalidade, preservação dos activos e velar pelo conforto dos residentes e visitantes.  

Copyright © Figuras & Negócios - Todos os direitos reservados strong>

Contato
Home
Acervo Digital