FIGURAS DE LÁ

 
30 de julho 2018 - às 11:59

Figuras de Lá - Edição nº193

 

ANTÓNIO GUTERRES

A LUTA CONTINUA

Mau grado as políticas migratórias levadas a cabo por alguns estados europeus, no sentido de não  albergarem milhares de refugiados, António Guterres, não tem desistido da luta,defendendo que  as migrações são "inevitáveis" e "necessárias". O secretário geral da ONU respeita a decisão dos países, mas não admite as que não respeitem os direitos humanos.  É um desafio enorme que o experimentado político português tem pela frente, pois alguns estados europeus formaram um eixo contra a imigração ilegal. Defendendo que as migrações são um fenómeno inevitável e se são uma necessidade, “então é preferível organizá-las, regulamentá-las, de modo a que sejam realizadas num quadro de cooperação entre países, para que todos fiquem a ganhar, sobretudo os que se encontram hoje em condições desesperadas", afirma António Guterres.

-----------------------------------------------------

PAPA FRANCISCO

CONSELHO DIVINAL

O papa Francisco tem merecido o mais vivo apoio por parte dos seus “discípulos” no que diz respeito a várias questões sociais onde a Igreja Católica é chamada a intervir. Numa altura bastante sensível da gestão  da problemática dos refugiados na Itália, cujo governo negou o acolhimento de milhares de migrantes, o Papa pediu  aos europeus , em particular,  que "o medo não os impeça de acolher "os pobres, os rejeitados e os refugiados". "Encontramos Jesus no pobre, no rejeitado, no refugiado. Não deixemos que o medo nos impeça de acolher o próximo necessitado", lê-se na sua conta de twitter.

-----------------------------------------------------

CRISTIANO RONALDO

RECORDISTA INSACIÁVEL

A imprensa mundial  tão cedo não se cansará de fazer manchetes sobre a brilhante trajectória daquele que já é considerado  “o melhor jogador português de todos os tempos”. Cristiano Ronaldo vai batendo recordes atrás de recordes e pulveriza-os em palcos desportivos onde todas as atenções  do mundo são viradas. Agora no Mundial da Rússia, o jogador do Real Madrid fez questão de ultrapassar os melhores marcadores das suas respectivas equipas nacionais em jogos oficiais, nomeadamente Puskas( 84, em 85 jogos!) Pelé(77-97), entre outros. Mas falta bater o recorde do Iraniano, Ali Dalei (109-149).Ao marcar o quarto golo, logo na segunda jornada do seu grupo, CR7 somou 85, em 67 jogos.

-----------------------------------------------------

MELANIE E IVANA TRUMP

SENSIBILIDADE ARROJADA

Antes de ter recuado na sua decisão de parar com aquela que seria

considerada uma das suas maiores “gaffes”, ao  separar os filhos dos migrantes das famílias nos Estados Unidos, Donald Trump sofreu mais uma mão cheia de pedradas vindas de todos os lados, incluindo no seio da própria família. Soube-se que Melanie Trump, sua esposa, que raramente intervém nos assuntos de Estado, considerou a medida tomada pela administração Trump “pouco inteligente” e irresponsável”. Sua filha Ivanna, também foi contra e, agindo assim, contra o patriarca, há quem diga que elas tiveram uma papel decisivo no recuo da continuidade da medida que chocou  muitos aliados, incluindo a P.M. britânicaTereza May e o P.R. francês, Emmanuele Macron. A separação de crianças dos pais, indocumentados, e cuja maioria foge da violência na América Central, gerou  polémica nos Estados Unidos e desencadeou uma chuva de críticas sobre o Presidente norte-americano.

-----------------------------------------------------

ANGELA MERKEL

DESAFIANTE Q. B.

A Chanceler Alemã marca definitivamente a sua história como  apersonalidade política mundial com forte poder de decisão nos mais candentes problemas deste século. Angela Merkel, provavelmente é a única governante que “bate” de frente com  o dificílimo presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump. Em várias ocasiões marcou a sua posição e obrigou os seus homólogos da União Europeia a  pensar numa estratégia comum  muito mais séria para enfrentar o gigante americano, contra o proteccionismo  exagerado dos produtos por arte da administração Trump. A atitude de Merkel começa a colher frutos em quase todas as áreas de influência económica,  principalmente onde a Alemanha conquistou a liderança do mercado há muito tempo…

-----------------------------------------------------

BRUNO DE CARVALHO

O DESTITUÍDO

O ex-Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho,  considerou que  “um conjunto de cretinos” terá viciado os resultados da votação que o destituiu do cargo no passado dia 23 de Junho. “Não quero fazer parte de uma elite mal cheirosa. Deixei de ser sócio e adepto do Sporting", escreveu num dos seus posts no facebook, em que acredita que o acto eleitoral “foi uma das maiores golpadas” que assistiu . Citado pelo Tribuna, Bruno de Carvalho insiste, por outro lado, que podia "ter impugnado esta AG por todas as ilegalidades cometidas" mas "não o vou fazer". “Não me quero mais aproximar de uma elite bafienta e mal cheirosa. Hoje deixei de ser para sempre sócio e adepto deste clube". "Afinal o sportingado era eu", acrescentou.

-----------------------------------------------------

HERVÉ RENAN

REGRESSO IMPOSSÍVEL

Hervé Renan, o  treinador da selecção da Zâmbia, que se tornou campeã africana, continua a manter a sua carreira no topo. No  Mundial da Rússia deixou a sua marca ao representar  o combinado do Marrocos que deu boa réplica aos seus adversários. Não tendo passado a  primeira fase, foi todavia compreendido e aplaudido por ter enfrentado olho nos olhos as selecções da Croácia e da Argentina. Provavelmente, o conceituado técnico  poderá abraçar outros desafios a nível  do campeonatos europeus. Renán, como se sabe, deixou o nosso país com um amargo de boca, uma vez que o seu contrato  com a Federação Angolana de Futebol, na altura dirigida por Pedro Neto, não foi cumprido como desejava.

-----------------------------------------------------

JOE JACKSON 

O ESTRATEGA IMPLACÁVEL

Morreu o patriarca da família Jackson, de cancro e outros problemas de saúde. Desde 2015 que Joe Jackson tinha um pacemaker, na sequência de um enfarte e três ataques cardíacos. O agente musical, que geriu com mão de ferro a carreira dos filhos, sofria também de demência e cegueira parcial. O 'estratega' dos Jackson 5 e da carreira a solo de Michael, Janet ou Latoya, deixa 10 filhos, fruto da sua relação com Katherine, com quem foi casado durante mais de 60 anos, e uma filha agora com 43 anos, fruto de uma relação extraconjugal que durou 25 anos.

Copyright © Figuras & Negócios - Todos os direitos reservados strong>

Contato
Home
Acervo Digital